Notícias
História
Galeria
Colectividades
Video
Hino de Morais
Artesanato
Tradições
Festas
Gastronomia
Património
Obras
Informação autárquica
Executivo
Heráldica
Contactos
 
 
 
 

A gastronomia desta zona é extremamente rica e diversificada. O fumeiro regional, o cabrito, o bacalhau, as súplicas e os Económicos são exemplos das iguarias aqui existentes

Receitas

Bacalhau Assado  
Bacalhau Assado
Ingredientes (para 6 pessoas)
4 postas grandes e altas de bacalhau
5 dl de azeite
4 dentes de alho
1 kg de batatas (todas do mesmo tamanho)
sal grosso
pimenta
Preparação
Põe-se o bacalhau de molho (de preferência dentro do frigorifico) 2 a 3 dias. Depois enxuga-se muito bem e assa-se nas brasas.
Ao lado, põe-se ao lume um tacho com azeite, os dentes de alho e a pimenta e deixa-se levantar fervura. À medida que vai assando vai-se fazendo em lascas e mergulhando no azeite. Serve-se imediatamente acompanhado de batatas assadas.
   
Cabrito Assado  
Ingredientes (para 6 a 8 pessoas)
1 cabrito de 3 a 3.5 kg (sem viceras)
5 dentes de alho
1 colher de sopa de colorau
1 folha de louro
5 colheres de sopa de azeite
3 colheres de sopa de banha
0.5 litros de vinho branco
2 kg de batatas pequenas
sal grosso
Preparação
Depois de limpo e de lhe ter retirado a fressura (vísceras mais grossas do animal, como os pulmões e o fígado do animal), banha-se o cabrito, por dentro e por fora, com uma papa feita de alhos esmagados, sal grosso, colorau, louro, azeite e banha. O cabrito devera ficar assim temperado de um dia para o outro ou pelo menos 3 a 4 horas.
Coloca-se então numa assadeira de barro e leva-se a assar em forno bem quente. Quando o cabrito estiver meio assado, começa-se a regar com vinho branco. O cabrito deve ficar bem tostado.
Acompanha com as batatas que, depois de lavadas, se cozeram com pele, pelaram-se e alouraram-se depois num pouco de azeite onde previamente se alourou um dente de alho.


 
Súplicas  
Ingredientes
500 gr de açúcar
7 ovos
500 gr de farinha de trigo com fermento
Preparação
Numa tigela deita-se o açúcar, faz-se um buraco no meio e colocam-se três ovos inteiros. Mexe-se com uma colher de pau e depois misturam-se mais quatro gemas e uma clara, que se vão mexendo até se obter uma massa bastante espessa. Junta-se a esta massa a farinha de trigo com fermento e mexe-se muito bem.
Com esta massa tendem-se as súplicas que vão ao forno, em tabuleiro untando com manteiga e polvilhado com farinha.
   
Alheira  

Ingredientes
1 kg de peru
1 kg de vitela
1 kg de galinha gorda
2 kg de carne entremeada da parte da cabeça do porco
10 dentes de alho
4.5 kg de pão de trigo
1 l de azeite
2 malaguetas
200 gr de colorau
sal

Preparação
Numa panela com água, temperada com sal, 3 dentes de alho e as malaguetas picadas, põem-se as carnes bem lavadas, a cozer. Quando as carnes estiverem cozidas, cortam-se aos bocadinhos e levam-se novamente ao lume.
Corta-se o pão as fatias finas, para uma caldeira,

   
Salpicão  
Ingredientes
2 lombos de porco
10 dentes de alho
100 gr de colorau
2 folhas de louro
5 litros de vinho brande
1 l de água
1 malagueta
sal
Preparação
Corta-se os lombos em bocados do tamanho da palma da mão. Tira-se a parte interior do lombo (uma pele clara) tempera-se com os dentes de alho picados, o sal, o louro, a malagueta, a água, o vinho e envolve-se tudo. Fica a temperar durante um período de 8 dias em que se deve mexer diariamente com uma colher de pau.
Corta-se a tripa do porco, grossa em bocados de vinte centímetros. Ata-se um dos lados com fio de algodão, vira-se a tripa e enche-se com o preparado, apertando para ligar. Ata-se a parte de cima com o fio, faz-se uma argola e põe-se no fumeiro.
   
Económicos  

Ingredientes
6 ovos
1 l de azeite
1 cálice de aguardente
500 gr de açúcar
1 colher de sopa de canela
farinha
2 colheres de chá de fermento em pó
gema de ovo para dourar
açúcar e canela para polvilhar

Preparação
Batem-se os ovos com o açúcar, mistura-se a aguardente, a canela, o leite e a farinha com fermento e bate-se muito bem a massa, que deve ficar mole. Deitam-se montinhos com uma colher de sopa em tabuleiros polvilhados com farinha (devem ficar separados porque crescem muito). Ao sair do forno, barram-se com gema de ovo e polvilham-se com açúcar e canela.